quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Enquanto a insônia vem, eu fico aqui pensando em você!

Olá, Queridos Leitores! Tudo bem com vocês? Bom hoje trouxe mais um de meus textos, esse estava guardado semanas atrás, já que todo mundo sabe que minha vida é resumida em rascunhos. Esse texto foi inspirado por uma pessoa especial na minha vida e que hoje é "MEU NAMORADO!" Sim estou namorando! Vocês não imaginam a felicidade que estou ( Hoje faz três dias de namoro) em breve postarei fotos e alguns textos bem bonitinhos hahaha! Enfim, espero que se inspirem.

( Imagem Heartit)

Madrugada (02:00) Você está online. Bateu uma saudade de conversar contigo. Pensei até te chamar, mas sei que não vai fazer alguma diferença. Sinto sua falta em tudo, sabe? Das nossas conversas idiotas, sinto sua falta em todos os lugares possíveis, metaforicamente. Pode ser cedo sentir “Saudades” só que sei que daqui em diante vai ser pra pior. Tudo vai mudar entre nós, não vou conseguir olhar nos seus olhos ou agir como se nada estivesse acontecido, nós dois sabemos o que aconteceu.
Eu sei que se apaixonar corre o risco de não ser correspondido. Sabia desde o início que as consequências viriam pra me incomodar. Não me arrependo nem um pouco por estar gostando de você, faz parte da vida se apaixonar, se entregar. Estou quebrando a cara novamente? Sim! Só que o que sinto, é bem mais forte do que os efeitos colaterais de um amor vago e sem sentido.
Não esperava que o cupido fosse me atingir! Pelo menos não agora, que estava sentindo a brisa de uma vida diferente, menos dolorosa. Quem diria? Logo eu que te odiava desde o início, mas odiava pra valer. Não foi bem um amor à primeira vista, foi quase a última vista.
Me sinto inteiramente confusa. Eu gosto de você, entende? Quando estou do seu lado, meu estomago borbulha, talvez seja borboletas do amor. Já meu coração acelera que nem uma granada,chega a querer explodir. E quando ficamos juntos, penso como as vezes te odeio, de novo metaforicamente falando. Odeio quando você fala comigo e quando me ignora. Odeio quando me elogia e quando me ofende. Odeio quando usa aquela camisa de banda e quando usa aquele jeans velho. Odeio quando me diz que sou fria. Odeio que me faz chorar no meu quarto escondida borrando toda a maquiagem preta. Odeio o seu jeito de provocar ciúmes. Odeio quando fica e quando vai embora. Odeio quando pega na minha mão e olha fixamente nos meus olhos. Odeio o fato de brigarmos por bobeira. Odeio mais ainda pelo fato de te amar.
Posso te pedir uma coisa? Se não for vir pra somar e nem pra ficar na minha vida. Quero que fique distante! Inclusive vá pra longe e boa viagem. Não quero alguém na minha vida de enfeite, sabe? Estou cansada de colecionar amores fracos, está na hora de colecionar amores melhores.
Também quero deixar bem claro que não é fácil desapegar assim de ti. Pois o que sinto é algo muito forte, fico em dúvida se sente o mesmo por mim. E talvez um dia qualquer eu possa desvendar esse mistério. Enquanto você não estiver pronto totalmente pra entregar a esse sentimento “vago”, vou estar no banco te esperando. Quem sabe um dia a gente se encontra e acaba dando certo, estou deduzindo algo que quero tanto nesse exato momento.

E ai Gostaram? O que acham de um post contando a nossa história? Deixe o seu comentário!
Beijos

14 comentários:

  1. Nossa, que texto maravilhoso, ler foi um desabafo pra mim! hahaha

    Balzary,
    https://casaldeconselheiros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Então Natalia, parabéns pelo namoro kk que vc seja muito feliz e aproveite muito a companhia de alguém que te faz bem :)
    Sobre o texto foi bom, um desabafo mesmo.
    O que falta é vc tomar cuidado com palavras repetidas demais que pesa na leitura, mas para o estilo está bom :)
    http://meiosentimental.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, te desejo tudo de bom também!
      Sim um desabafo! Então Jessie, não prestei atenção em algumas palavras, já que foi um desabafo automático! Mas, já arrumei! Viu? Concordo plenamente com o que disse.
      Beijos

      Excluir
  3. Que lindo, adorei o que li.
    Beijinhos
    http://virginiaferreira91.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito :)
    Também já sigo!
    Beijinho*
    Novo post no blogue
    http://thewhisperofphotography.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada <3 fico feliz por ter gostado!
      Seja bem vinda e volte sempre!
      Beijos

      Excluir
  5. Parabéns Natália! Muita sorte e amor para esta nova fase da sua vida.
    Beijinho
    http://asreceitasdamaegalinha.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Joana, só que infelizmente terminamos :( aguarde o próximo post!
      Beijos

      Excluir
  6. Oi, Natália.
    Belo texto.
    Gosto de textos românticos assim, espontâneos.
    Espero que seu namoro seja algo forte e duradouro.
    Abraços.
    Diego || Diego Morais Viana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Diego!
      Obrigada, fico feliz por ter gostado. Infelizmente acabou não dando certo, então veja o próximo post :(
      Beijos

      Excluir

Criado por De Repente Moda - créditos

Tema Base por Butlariz